top of page

Fortaleza lidera Norte/Nordeste como a cidade que mais gerou emprego em 2023



Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta terça-feira (30) pelo Ministério do Trabalho e Emprego, entre janeiro e dezembro de 2023, Fortaleza apresentou um saldo positivo de 28.221 vagas de trabalho. Esse número é o primeiro lugar no saldo de empregos gerados nas regiões Norte e Nordeste do Brasil: ficando à frente das capitais Recife (21.124) e Manaus (19.059).


Fortaleza também se destaca com o maior saldo de empregos entre as capitais do Nordeste: são 690.207 pessoas trabalhando com carteira assinada. Deste total, entre 2021 e 2023, foram gerados mais de 103 mil empregos, o que representa 51% dos empregos gerados em todo o Ceará.


Para o prefeito José Sarto, o ótimo desempenho demonstra o compromisso da sua gestão com uma economia cada vez mais forte. “Quando a capacidade de trabalho e empreendedorismo da nossa gente se encontra com a boa política pública, os resultados aparecem. E seguiremos investindo em ações de capacitação, estimulando o surgimento de novos negócios com incentivos fiscais e desburocratização de serviços. Tudo isso para proporcionar mais oportunidades para a nossa gente”, comemora.


O secretário do Desenvolvimento Econômico, Rodrigo Nogueira, também comemora: “os números positivos mostram, mais uma vez, que a política pública do prefeito José Sarto vem dando certo. Estamos apostando no pequeno empreendedor – que gera sete em cada 10 empregos – e garantindo qualificação profissional e crédito orientado para quem mais precisa. Temos visto muito destaque da nossa cidade na geração de emprego e na criação de novas empresas. Por isso Fortaleza é o maior PIB do Nordeste e uma das cidades que mais gera empregos no Brasil”, enfatiza.


Cenário regional e nacional

Do saldo global de empregos gerados no Estado do Ceará (53.954), Fortaleza foi o município que mais gerou empregos (28.221), responsável por 52,3% destas vagas. Já o Grupamento de Atividades Econômicas de Fortaleza foi liderado pelos setores de serviços (18.640), comércio (4.738), construção civil (4.201) e indústria (683).


De acordo com CAGED, em 2023, dentre as capitais do Brasil, Fortaleza alcançou o quinto (5º) lugar no saldo de empregos gerados (28.221), ficando atrás apenas de São Paulo (132.263), Rio de janeiro (71.825), Brasília (36.968) e Belo Horizonte (31.249).


Na capital cearense foram gerados mais empregos com carteira assinada que em 13 estados do Brasil: Mato Grosso do Sul (27.986), Alagoas (23.291), Rio Grande do Norte (22.630), Maranhão (22.039), Amazonas (21.996), Piauí (20.166), Paraíba (19.265), Sergipe (13.380), Tocantins (13.357), Rondônia (10.942), Amapá (5.701), Roraima (4.966) e Acre (4.562).


Fonte: Jornal O Otimista em 31.01.2024


bottom of page