top of page

Comex brasileiro em alta atrai mais de 50 agentes de cargas dos 5 continentes para a Intermodal 2023


São Paulo – Com um cenário favorável às relações comerciais do Brasil com o mundo, agentes de cargas, transitários, tradings e empresas de logística veem no país uma possibilidade de acelerar conexões e negócios para 2023.


Algumas dessas empresas se reunirão para participar da Intermodal, o maior encontro internacional do setor de logística, transporte de carga, tecnologia e comércio exterior da América do Sul, que acontecerá de 28 de fevereiro a 2 de março, no São Paulo Expo. Serão mais de 50 agentes de carga dos cinco continentes se reúnem em um espaço multiuso para reuniões e network em um único espaço de 300m2. Uma oportunidade para transformar ações em oportunidades de negócios de forma ampla e global.


Sua participação no Brasil é considerada estratégica com base nos crescentes números de exportações que, em janeiro de 2023, viu o volume crescer 3,3% segundo dados do Ministério da Economia, em relação a toda série histórica (atualmente contando com 301 meses), o volume total exportado alcançou o 4 º maior resultado.


Importantes mercados de destino foram responsáveis pelo aumento do volume total exportado, destacando-se os crescimentos do volume exportado para América do Sul (4,9 %), Oceania (4,5 %), América do Norte (3,1 %), África ( 2,9 %) e Ásia (Exclusive Oriente Médio) (2,2 %).


O fato é que a expectativa de crescimento é otimista. Análises mais recentes do Ministério da Economia apontam para um bom avanço nas exportações brasileiras, chegando a cerca de 20% em relação a 2021, com o agronegócio liderando e destaque sobre os principais segmentos. O relatório aponta para uma alta de 37% nos embarques realizados.


Assim, as empresas que estarão no Brasil no grupo da United Nations Freight Trading Logistics (UN) podem oferecer as empresas brasileiras possibilidades reais para exportações seguras de produtos e que atendam vários mercados uma vez que no estande localizado na Intermodal haverá mais de 50 agentes de 40 países representados. O diferencial desse espaço é oferecer aos clientes o maior número possível de fornecedores, otimizando tempo e abrindo novas possibilidades.


Essa é 3ª vez que a UN participa da Intermodal no Brasil e a expectativa é superar o número de reuniões feitas em 2022 e os negócios concretizados ao longo do ano.


O idealizador do grupo, Vittorio De Vena, destaca: “quando criamos o grupo, o primeiro pensamento era atuar de forma globalizada, organizada e prática para os agentes de cargas e clientes. Atuamos criando uma agenda, não só de reuniões produtivas e objetivas, mas também divulgando as empresas do grupo em todo o mundo. Essa ação possibilita negócios confiáveis com maior rentabilidade e amplia oportunidades para novos mercados”.


Já para Ana Quirino, CEO da National Freight, membro do grupo e representante do Brasil: “estamos otimistas para a edição de 2023. O mercado está aquecido e estarmos juntos em único espaço favorece novas oportunidades de negócio. Além disso, podemos garantir qualidade e uma rede ampla de atuação”


Nesse cenário de possibilidades de crescimento para 2023, as empresas interessadas em comercializar produtos de forma internacional poderão encontrar no grupo opções ideais para atender o negócio.


(*) Com informações da United Nations Freight Trading Logistics


Fonte: Comex do Brasil

bottom of page